terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Cantigas de Roda (Cirandas)



(Por Cristiano Araujo)

O que são cantigas de roda:
- Musicas infantil com coreografia, são brincadeiras que consiste na formação de uma roda para que comece, concilia o movimento circular com gestos e movimentos corporais através da coreografia que é montada com base na letra da musica, as musicas e coreografias foram montadas por anônimos geralmente baseando-se no folclore.  No Brasil, fazem parte do folclore brasileiro, incorporando elementos das culturas africanas, europeias, principalmente portuguesa, espanhola e indígena. As cantigas de roda são de extrema importância para a cultura de um local. Através dela dá-se a conhecer costumes, cotidiano das pessoas, festas típicas do local, comidas, brincadeiras, paisagem, flora, fauna, crenças, dentre muitas outras coisas. O folclore de determinado local vai sendo construído aos poucos através não só de cantigas de roda, mas também de histórias populares contadas oralmente, cantigas de ninar, lendas, etc.
É muito importante sua utilização em atividades de quebra gelo, pois trabalha o contato visual e físico.
Segue abaixo algumas cantigas de rodas:

Marcha Soldado
Marcha Soldado
Cabeça de Papel
Se não marchar direito
Vai preso pro quartel                                   
O quartel pegou fogo
A polícia deu sinal
Acorda acorda acorda
A bandeira nacional

Capelinha de melão
Capelinha de Melão é de São João
É de Cravo é de Rosa é de Manjericão
São João está dormindo
Não acorda não !
Acordai, acordai, acordai, João !

Ciranda cirandinha
Ciranda Cirandinha
Vamos todos cirandar
Vamos dar a meia volta
Volta e meia vamos dar

O Anel que tu me destes
Era vidro e  se quebrou
O amor que tu me tinhas
Era pouco e se acabou

Por isso dona Rosa
Entre dentro desta roda
Diga um verso bem bonito
Diga adeus e vá se embora

Nesta Rua
Nesta rua, nesta rua, tem um bosque
Que se chama, que se chama, Solidão
Dentro dele, dentro dele mora um anjo
Que roubou, que roubou meu coração

Se eu roubei, se eu roubei seu coração
É porque tu roubastes o meu também
Se eu roubei, se eu roubei teu coração
É porque eu te quero tanto bem

Se esta rua se esta rua fosse minha
Eu mandava, eu mandava ladrilhar
Com pedrinhas, com pedrinhas de brilhante
Para o meu, para o meu amor passar

Atirei o páu no gato
Atirei o páu no gato tô tô
Mas o gato tô tô
Não morreu reu reu
Dona Chica cá
Admirou-se se
Do berro, do berro que o gato deu
Miau !!!!!!
Quem quiser conhecer um pouco mais acesse:



Referencias bibliográfica

http://www.infoescola.com/folclore/cantigas-de-roda/
http://www.google.com.br/imgres?num=10&hl=pt-BR&tbo=d&biw=1024&b

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário